quarta-feira, 21 de novembro de 2007

Paraíso


Ah! O Paraíso
Só existe em sonhos;
Belezas;
Pureza.
Mas um dia alguém, descobriu!
Não sei quem, não sei de onde
Mas diz que descobriu
Que o paraíso
Não esta nos sonhos
O paraíso...
Esta no sorriso!
No sorriso: amigo; sincero
Por que só quem deu um sorriso legitimo
Sabe como é
Ter aquela gargalhada familiar
Que vale mais que uma casa de luxo no paraíso
Porque , repito:
Só quem deu um sorriso
Sabe como é
Olhar
Apreciar
Babar
Diante de um sorriso de uma criança
Que balança nos seus desejos e sonhos do paraíso
Que estão no seu próprio sorriso.
p.s.
Nem lembro quando escrevi isso, acho que estava na setima serie, mas ainda o acho o poeminha mais bonitinho que escrevi, fala de alguma maneira de mim...

3 comentários:

Veriana Ribeiro disse...

Que fofinho!!!! adorei o poema.
"Diante de um sorriso de uma criança
Que balança nos seus desejos e sonhos do paraíso
Que estão no seu próprio sorriso."

amei essa parte

Cara, ando viciada em poemas. Tudo culpa do meu amigo Andre q me deu um livro da Florbela Espanca. E da Suellen, q me viciou nos poemas dela. Agora eu vivo lendo....e começei ate a fazer. N q eu seja aquelas coisas de poetisa, nunca gosto do q escrevo....

Samuel Bryan disse...

ta tãããão fofo... que dá nauseas
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
amiga, to brincando, so zuando no primeiro comentario que eu to escrevendo aqui no teu blog.
^^
ta bem legal
mas aquele texto dos mosqueteiros...
ta genial, tinha que ser das Oraganizações Tabajaras
\o/
beijos

Patrícia disse...

minha irmã é lindo mesmo,e bem sincero...
um sorriso é a melhor coisa qndo tu ta triste...
amo tu mana

beijosss